Entre em contato com um de nossos especialistas!

Quais os riscos se não realizar a troca da correia dentada do carro?

Todo bom mecânico sabe de cor e salteado que a correia dentada do motor de um veiculo deve ser checada quando o veiculo completa de 40 a 50 Mil km.

mecânico troca de correia dentada do carro

O bom profissional sabe que após passar essa quilometragem, a correia perde sua eficiência podendo ocasionar uma ruptura.

Os riscos são grandes, caso a correia arrebente, isso porque ao parar de funcionar o sistema entra em colapso gerando colisões entre elementos dentro do motor. Em casos mais leves as válvulas são as únicas danificadas, além da própria correia.

Qualquer desequilíbrio ou assincronia entre a parte de baixo e a parte de cima do motor podem resultar em danos muito caros ao seu veículo. Existe um ponto “neutro” que o mecânico deve encontrar para a troca da correia dentada, onde ela não estará em posição assíncrona em relação às duas partes do motor. Para dificultar ainda mais a manutenção desta peça do motor, existem ferramentas específicas que devem ser utilizadas.

Para o profissional que realiza a substituição da correia dentada, é importante também alertar o cliente da substituição do rolamento tensionador. Assim, o profissional, ainda que o componente esteja, supostamente, em bom estado, ajuda o cliente ao informá-lo para evitar manutenções corretivas, o que acaba sendo mais barato, pois este componente pode não suportar até a próxima troca.

Se busca por mecânico troca de correia dentada do carro, descubra no site da Auto Center Castello. Solicite um orçamento preenchendo o formulário abaixo e descubra a empresa que é líder de mercado.

Mecânico troca de correia dentada do carro





  • Mogi das Cruzes
  • Itaquaquecetuba
  • Suzano
  • Ferraz de Vasconcelos
  • Poá
  • Arujá
  • Santa Isabel
  • Biritiba Mirim
  • Guararema
  • Salesópolis